Mais um texto…

Mais um texto…

Sentada no computador ouvindo Maria Gadu e Sara Gazarek e pensando sobre a vida um vento leve começou a soprar e nesse momento uma coisa fica mais do que clara: “Eu estou aqui, acima de todas as coisas, EU estou AQUI!”

Não sei se é possível explicar em palavras a sensação de se sentir vivo e em paz. Ah sim, com certeza a palavra-chave dessa sentença é PAZ! Depois de 2 anos não muito bons, na verdade, depois de dois anos terríveis, onde eu cheguei no fundo do poço e cavei mais um pouquinho num sofrimento e descontentamento intenso, não tenho palavras para descrever o que é me sentir em paz!

Em alguns momentos sou tomada dessa consciência de que EU estou AQUI! Estou bem e feliz. Consigo perceber em alguns momentos, de extrema consciência ou talvez extremo devaneio, o quanto eu caminhei emocionalmente nesses meus míseros 23 anos, e pela primeira vez em muito tempo percebo que SÓ tenho 23 anos, e isso é impressionante!

Não tenho intenção de dar lição de moral, ou de te dizer: Se você está na pior SAIA DESSA! Algumas vezes, por mais que queremos “sair dessa”, as coisas parecem não sair do lugar, parece uma conspiração onde tudo dá errado, e claro chega um momento em que você pensa “ Tá certo agora não tem mais nada para dar errado”, mas aí alguma coisa acontece justamente para te mostrar o QUANTO ainda pode dar errado. Assim a gente decide “Bom não vou pensar mais sobre DAR ERRADO, porque parece q assim as coisas realmente podem dar errado!”. É nesse momento que mudamos de atitudes, passamos, então, a ser positivos e pensar “Sim as coisas vão fluir”, mas mesmo assim tudo continua ali, num espiral de tristeza e agonia…

Eu sei, já estive nesse espiral muitas vezes, por isso hoje resolvi escrever para dizer o quanto a paz não pode ser comprada! Não, não estou falando sobre a PAZ MUNDIAL, eu estou MUITO longe de ser a Miss Universo querendo a paz mundial. Eu estou dizendo a sua paz, a paz que só você sabe onde está, a paz que não pode ser diretamente partilhada! Aquele momento de paz onde você está entorpecido, inebriado de uma sensação de tranquilidade… Como esse momento é impagável!

…Mas tudo é um momento e eu estou há quase uma hora nessa escalada de paz, totalmente alheia ao universo ao meu redor, totalmente alheia aos sons ou onde meu  amor está na casa; nada disso importa, só estou eu, minhas músicas e essa página de Word! Partilhando com vocês esse meu devaneio…

Quero terminar dizendo q não há grandes perguntas ou grandes ideias nesse texto, muito menos grandes revoluções! É somente mais um texto, mais uma ideia, mais um momento… Mas não é a vida feita de momentos?

 … E essa foi uma pequena parte da minha vida, da minha paz, dos poucos momentos em que eu penso “Sim, eu estou AQUI!”

Anúncios

Tags:, , ,

3 responses to “Mais um texto…”

  1. Diego Coletti Oliva says :

    Mais uma vez um texto lindo, pra gente ler e pensar na vida! Fico muito feliz de te ver sentindo-se assim, e espero que todos possam experimentar essa sensação!

    Parabéns pelas belas palavras meu anjo! Te amo!

  2. Rubia says :

    Adorei! Esta paz que lhe fez escrever aqui é tão grande que ao ler seu texto me senti em paz e parei pra pensar em mim, ou melhor, na minha paz.
    Obrigada, Carol!
    Beijão!

    • Carolina Ribeiro says :

      Rubis que legal receber um comentário seu, e fico feliz q o texto tenha te dado essa boa sensação, realmente era o que eu queria passar, que paremos um minuto para pensar na nossa paz, na incrível realidade de estarmos vivos!

      Obrigada mesmo pelo comentário amiga, fiquei mega feliz!
      Bjaum!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: